Ginástica Holística: o que é e para que serve?

A ginástica holística é uma forma de trabalhar o corpo e é dividida em três segmentos: pedagógico, preventivo e terapêutico. Nenhum aparelho é utilizado, mas são realizados mais de 800 movimentos. 

Esse método foi criado pela médica e fisioterapeuta Lily Ehrenfried, que aplicou e desenvolveu o método na França, em 1933. 

Desde então, o método tem chamado atenção de muitas pessoas, que buscam mais movimentação corporal, respeitando seus limites, mas que buscam uma atividade física que integre o bem-estar físico com equilíbrio emocional. 

Mas, quais são os princípios da ginástica holística? Esse método apresenta vantagem e para que ele serve? 

É sobre isso que falaremos, confira! 

  1. Quais são os princípios da ginástica holística? 

Na ginástica holística, o indivíduo consegue desenvolver, com plenitude, suas capacidades, porém tudo respeitando os limites do seu próprio corpo. 

Além disso, o método atua sobre a respiração, tônus e equilíbrio, contribuindo para a melhora do indivíduo como um todo. 

Os movimentos do método têm sempre por objetivo respeitar as estruturas anatômicas e a fisiologia do corpo humano, sendo um trabalho global. 

Essa é, de fato, uma das grandes diferenças do método para os outros tipos de ginástica ou musculação, nos quais cada grupo muscular é segmentado e trabalho separadamente, não visando a totalidade. 

Os exercícios são sempre realizados com pausa e o aluno não copia o que é demonstrado, uma vez que a respiração e a conscientização corporal são partes essenciais da ginástica holística. 

  1. Benefícios da ginástica holística 

Pode-se perceber que a prática da ginástica holística pode trazer muitos benefícios para sua saúde. 

Dentre os benefícios, podemos citar: 

  1. 1 – Alívio das dores 

Existem muitas pessoas que sofrem com dores crônicas, o que pode levar à depressão, bem como diminuição da qualidade de vida. 

Por ser composta por movimentos suaves, com baixo impacto, as articulações não sofrem com a prática, ao mesmo tempo que os músculos são fortalecidos. 

Com isso, portadores de dores podem ter grande alívio com a prática. 

  1. 2 – Diminuição do estresse 

No atribulado dia a dia, nem sempre notamos como o estresse acaba piorando nossa qualidade de vida. 

Em geral, encontramo-nos com a musculatura tensionada (sobretudo na região do pescoço e ombros) e com dores de cabeça, por exemplo. 

Isso, de fato, pode ser resultado do estresse frequente em nosso dia a dia. 

Com a prática da ginástica holística, há exercícios focados na respiração, o que traz maior relaxamento da musculatura e melhor oxigenação do corpo. 

  1. 3 – Melhora da postura 

Uma das principais causas de dores nas costas é a má postura. 

Dentre as regiões da coluna que mais sofrem com esse problema, estão a região lombar e a região cervical. 

A prática da ginástica holística leva ao realinhamento postural, o que contribui para diminuição das dores na região da coluna, simplesmente por melhorar a postura do indivíduo. 

Devido a esse trabalho, o indivíduo conseguirá ter uma postura mais alinhada e assim, ter menos problemas decorrentes da má postura. 

  1. 4 – Melhora da concentração e do sono 

Os exercícios de equilíbrio e respiração ajudam na redução da ansiedade e, como consequência, melhoram a concentração e o sono do indivíduo. 

De fato, transtornos de ansiedade são considerados grandes problemas atualmente do público brasileiro e com eles, há piora da qualidade do sono. 

Além disso, há dificuldade de manter o foco em atividades. 

O equilíbrio emocional duradouro, promovido pela prática da ginástica holística, leva à melhora do sono e aumento da concentração. 

  1. 5 – Elasticidade e equilíbrio aumentados 

Os exercícios de elasticidade e de equilíbrio fazem com que o organismo fique menos disposto a quedas acidentais, por exemplo. 

Assim, indivíduos com mais idade e que sofrem de osteoporose ganham o benefício da diminuição do risco de quedas. 

Indivíduos com mais idade podem ter sua qualidade de vida diminuída sensivelmente em função de quedas, as quais podem levar a fraturas de ossos como o fêmur ou da bacia, por exemplo. 

Dessa forma, o fortalecimento das estruturas ósseas e musculares, bem como o maior equilíbrio podem evitar futuras quedas e suas consequências. 

  1. Para quem serve a ginástica holística? 

Qualquer pessoa pode praticar a ginástica holística, uma vez que não há contraindicações em relação a idade, sexo ou gênero. Também não há contra indicações se você já possui alguma patologia. 

Mas, é essencial que a prática seja orientada por um profissional fisioterapeuta, que tenha formação na área. 

Dessa forma, os exercícios são executados de maneira adequada e não há riscos de lesões com a prática. 

Inclusive, indivíduos que sofrem de patologias, tais como hérnias de disco, tendinites e outras doenças, por exemplo, podem se beneficiar com a prática. 

Recentemente, pessoas que fizeram teste de COVID, testando positivo para doença e tiveram sequelas respiratórias, podem encontrar resultados bastante expressivos na prática da ginástica holística. 

Independentemente se você tem um plano de saúde empresarial, ou faz o tratamento de suas patologias pelo SUS, a prática da ginástica holística pode trazer enormes benefícios a você. 

  1. Prática da ginástica holística em empresas 

Antes da pandemia e do home office mandatório, várias empresas já haviam descoberto as grandes vantagens da prática da ginástica holística em suas empresas. 

Para começar, a prática leva à redução de dores e sabe-se que funcionários com dores constantes são menos produtivos e acabam afastados mais frequentemente. 

Além disso, a integração entre mente e corpo promove redução do estresse e melhora da concentração. 

Esses benefícios são altamente interessantes quando se pensa em uma empresa, cuja produtividade pode ser sempre melhorada. E sabe-se que quanto maior a concentração do funcionário, maior a produtividade e menor risco de acidentes de trabalho. 

Por último, o bem-estar promovido pela prática faz com que o funcionário desempenhe suas funções com mais prazer na empresa. 

Ou seja, a empresa só tem a ganhar com isso. 

Profissionalização do setor para atuação empresarial

Para que a prática seja exercida corretamente, é importante a especialização dos profissionais, através do Curso de Formação em Ginástica Holística, oferecido pelo Instituto Patrícia Lacombe. 

A partir dele, os profissionais aprendem o método completo, possibilitando a aplicação de todo o conhecimento dentro do segmento empresarial.

  1. Conclusão 

A ginástica holística é um método no qual baseia-se na inter-relação entre corpo e mente, com exercícios que respeitam os limites do corpo e promovem uma série de benefícios para a saúde geral do indivíduo. 

É essencial procurar um profissional fisioterapeuta habilitado para a prática da ginástica holística. 

Você pode gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *